Igrejas e Sociedades “Secretas”, é tudo a mesma coisa? Sim, é tudo igual.

Querido viajante cósmico,

Igrejas e Sociedades Secretas

Clique na imagem

Superalma? Avatar? Sociedade Teosófica? 8 mônadas? Andei lendo isso em um fórum de uma determinada nova sociedade, uma nova ordem, que não é tão secreta, mas é de uma sutileza à toda prova.

 

Eu conheço bem isso, e quero passar longe deste monte de conceitos, isso não faz menor diferença pra mim. Estive na sociedade teosófica, também na Rosa Cruz, etc. Muita conversa. Portanto, leia este texto e saiba que passei por muitas e muitas igrejas e ordens e blá blá blá.

 

Nestas sociedades eu não aprendi nada, só fui aprender que o caminho é amar a mim mesmo de forma incondicional, este foi meu aprendizado. Amar o bem e o mal, todas as características, tudo, assumir completa responsabilidade pela minha vida. Sim, o lado bom e o ruim, ser você. Depois disso, um novo horizonte se apresentou, uma nova consciência se apresentou, a consciência da Unidade, que absolutamente não tem relação com conceitos de bem e de mal, relação com o jogo.

 

Tem uma nova sociedade que diz que devemos levar uma vida sem poder. Isso realmente me intriga, pois atitudes devem ser tomadas nestes momentos do planeta, mesmo que para alguns pareçam ruins e se esquecermos o poder daquele que somos nós mesmos, a humanidade não vai conseguir dar o passo tão esperado. Não podemos abrir mão de nada, pois isso pode nos custar muito caro. Ser você é ser você, com ou sem poder, não importa. Continue a ler o texto até o desfecho por favor e não acredite muito no que estou falando, eu estou lhe distraindo literalmente.

 

Será que entendemos o que seria uma vida sem poder? Não fazer nada e confiar? Não querer saber sobre conspirações? ou Parar de jogar a dualidade? Sim, a dualidade é algo que devemos transcender, mas não baseado na cartilha de fulano ou beltrano, mas na sua cartilha, você. Por isso desenvolvi o NESPER, pois é você com você e eu não posso de forma alguma interferir. Ok, sem poder, mas o que me deixa mais intrigado é que como as pessoas não falam do que se trata este sem poder, cria-se um bando de gente que não senta e faz acontecer. Essa é a intenção?

 

Ops, a vida passa num piscar de olhos e vamos esperar a banda passar? Vamos nos permitir à todo tipo de manipulação? Os dois lados vão continuar a permitir a manipulação? Nossa, Mauro, você não está vendo, eles são tão bonzinhos, tão doces, uns amores de pessoas. Pode até ser, mas não largam do osso, mesmo sabendo que o osso já se foi. Para mim sem poder é não participar deste jogo da dualidade e tomar atitudes que devem ser tomadas, não atitudes baseadas no bem ou no mal ou no medo ou na culpa.

 

Uma amiga fez um curso de uma determinada técnica e chegou à conclusão que os facilitadores tem mais problemas do que ela. A técnica promete isso, aquilo, evolução, abundância, mas as pessoas são facilmente enganadas. E vão dizer: Você não tem fé, você precisa ser assim e assado. Que bando de vampiros. Mas quem são os vampiros? O pior não são eles, o pior são as pessoas não perceberem que tudo já está dentro delas. Eu sei como isso é difícil, eu fiz o caminho, cada centímetro, cada instante.

 

Eles falam muito de confiança, auto-confiança. Isso, neste sistema de crenças que vivemos é de fato muito difícil, mas é algo que devemos ter em mente e uma meta a se chegar. Ok, mas misture isso ao fato de uma vida sem poder, sem uma definição clara do que se trata sem poder. Como fica? A maioria fica indo pra lá e pra cá.

 

Eu não costumo aceitar tudo que leio, não funciona assim comigo, até porque a dúvida é extremamente salutar até um determinado momento. Aliás, eu não aceito nada e sempre passa pelo crivo de meu coração e da mente divina que me envolve a mim mesmo.

 

Eu sinto cheiro de fedor nisso tudo. Cheguei à conclusão que não existe nenhuma diferença entre igrejas e estas novas sociedades, estes novos gurus, e a maioria deles, sem peito de vir e falar, usam supostas entidades. O mais engraçado, não existe nenhum diferença entre sociedades secretas e tudo mais com a população que gosta de ser manipulada, estão todos participando deste jogo e todos dificultando a caminha dos outros. Tem algo que não bate, eu tenho uma vida onírica muito privilegiada e eu já fui avisado que em um futuro próximo as manipulações estarão mais e mais poderosas. Mas quem controla quem? Então, é salutar soltar disso tudo, tudo, de forma clara, não ficar esperando que vai aparacer alguém que vai lhe mostrar o seu caminho, isso não vai acontecer.

 

A humanidade deste planeta ainda está engatinhando, fazendo coisas insignificantes para conseguir coisas insignificantes.

 

Eu me lembro bem da Cultura Racional, que ainda existe, que é uma verdadeira lavagem cerebral, todos estes novos livros dos supostos gurus são idênticos, uma grande lavagem cerebral. Aprendi uma outra coisa, a medida que obtemos mais e mais conhecimento, as manipulações são mais sutis.

 

Isso lhe parece familiar?

 

Dizem que o homem deste planeta é o mais avançado? Eu sou um pleidiano e sei que ainda não é, mesmo que as condições sejam muito propícias para uma iluminação a humanidade está engatinhando, mas pelo menos já estamos dando grandes passos liberar tudo isso.

 

“Uma coisa é fato, os únicos que querem que você não saiba das conspirações, são os conspiradores. Ah, os dois lados, podem ter certeza, pois as vítimas sempre se colocam numa posição de que não são conspiradores. Vai entender.”

 

Outros dizem que Deus não sabe tudo? Como assim? Não tem poder?

 

Hum, tem algo a ser revelado e eu vou descobrir. UFA, descobri, Deus de fato não tem poder, Deus tem plenitude.

 

Eu tenho um trabalho em que dou total liberdade para a pessoa se expressar, total, não participo mesmo. Cada um tem o direito de ser do jeito que quiser, o processo é individual, eu não interfiro, só jogo alguns tamencos.

 

Então, percebe que posso fazer novamente, escrever coisas que você balança e não sai do lugar? Pense sobre isto. Isso foi feito durante muitas e muitas vidas, e o que vai ser agora? 

 

Enquanto você achar que tem alguém mexendo os pauzinhos sobre sua vida e sua realidade: Assim vai ser. Enquanto você achar que tem algo errado com você: Assim vai ser. Você acredita que os déspotas ou controladores são piores do aqueles que permitem o controle? Você percebe que isso é um jogo? Que os controlados, assim como os controladores, também, da mesma forma, atrapalham o avanço de todos?

 

Eu Sou Mauro Muller, Eu existo

Oh-Be-Ahn

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: