Deixe de ser espiritualizado

deixe ser espiritualizadoSe não for o último, com certeza é um dos últimos textos que será postado neste blog e se não for, o assunto vai para outro rumo. Você pode perguntar: Por que Mauro?

.

O próprio título do texto é bastante objetivo: Deixe de ser espiritualizado. Apesar deste blog não tratar muito de questões de espiritualidade, percebo que no fundo as pessoas que aqui frequentam tem a noção de que é um blog que mostra como devemos ser para atingir isso ou aquilo, ou seja, um caminho para se tornar espiritualizado.

.

Pois é, parece mesmo, mas realmente a intenção nunca foi essa. A intenção deste blog é simplesmente falar sobre o amor incondicional por você mesmo, o único caminho “real” para que você tenha uma vida plena e divertida, e para isso, você realmente não precisa ser espiritualizado ou carregar este monte de coisas. Pelo contrário, uma coisa não condiz com a outra, pois, para ter uma vida plena e divertida, você precisa ser você, nada mais, sem textos, sem livros, sem busca, sem este monte de conversa que no fundo é para te levar até este ponto: a vida com alegria. Aliás, será que eles querem isso? Lhe mostrar a alegria da vida e que ser você é a maior alegria que você pode ter? Eu tenho minha opinião sobre isso e deixo que você mesmo tire suas próprias conclusões.

.

A intenção deste blog foi simplesmente mostrar à você que não faz a menor diferença sua cor, peso, olhos, status quo, poder econômico, blá blá blá, inteligência, burrice, grau de estupidez, grau de esperteza, blá blá blá, pois, a maior alegria que você pode encontrar é ser você, não existe mais nada além disso. Você pode dizer: Ah Mauro, e os mestres? Se você ler os grandes mestres e seus legados, mesmo os mais rígidos, você vai ler nas entrelinhas que eles dizem as mesmas coisas.  Ah, você pode perguntar: Por que então eles criaram os ashrams e mosteiros: Pois é, se a resposta é tão simples, por que? Vou deixar isso para você responder.

.

Você não precisa de um ashram ou um mosteiro ou sei lá o que para ser feliz, realmente não precisa ler livros, isso ou aquilo, blá blá blá, isso não vai te levar em lugar nenhum. O mais engraçado é que não adianta, até pelo fato de você tem o direito de fazer sua própria viagem, você vai fazer a viagem, você vai procurar em um monte de livros, vai fazer muitas e muitas coisas, e no final, vai encontrar o grande prêmio: você.

.

Não é incrível? Toda essa viagem para retornar ao mesmo lugar de sempre: você.

.

Eu sei que também tem aqueles que sabem que essa viagem é inútil, que não vai levar ninguém a lugar nenhum, a não ser a si mesmo.

.

Tem um outro detalhe muito importante que eu percebo de forma clara até pelo teor de meus textos: Eu não sou uma pessoa com o perfil de ensinar com muita paciência, eu sou uma pessoa muito rompante, sou um trator, e existem outras áreas que possa me dedicar e mesmo assim continuar a levar consciência para aqueles que procuram. Então, estou deixando, de alguma forma, de ser espiritualizado, e seguindo meu caminho em outras áreas, mas sempre estarei pro perto para aqueles que procuram por respostas.

.

Obviamente para aqueles que compreendem, este trabalho continua sendo realizado em outra realidade paralela.

.

Mauro Muller

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: