Nunca diga nunca? Nunca diga Não? Como?

nunca diga nãoO ser humano adora um paradigma para continuar na sua eterna zona de conforto, pois é muito mais fácil acreditar nas histórias e caminhos dos outros, do que realmente colocar-se na estrada e verificar por conta própria “suas próprias suspeitas” e assim seguir o próprio caminho.

.

Indo de encontro ao meu hábito de quebrar paradigmas, vamos fazer isso para mais 2 em 1: “Nunca diga nunca” e “Nunca diga não“.

.

Eu mesmo, em um tempo pretérito, acreditava piamente que isso era verdade e tomava todas as providências para que minha ansiosa mente não entrasse neste jogo de não dizer não e não dizer o nunca. Ledo engano. Hoje sei que, só pelo fato de achar que não posso dizer nunca ou mesmo o não, já inicia um processo de criação, pois coloco a atenção no objeto da negação antes mesmo de fazer a negação, que é bem diferente da dualidade, pois na dualidade você sempre cria o oposto.

.

Nunca vou fazer isso, é o que o ditado pede. Ou mesmo: Não vou fazer isso.

.

Independente se você usa o nunca ou o não, não faz a menor diferença, tudo aquilo que você coloca consciência se torna real, mesmo que seja em uma realidade paralela. Sim, vivemos em várias realidade paralelas simultaneamente, somos muito maiores do que realmente podemos imaginar, estamos constantemente criando. Não interessa se estamos criando no plano mental ou sei lá onde, o que devemos saber é que estamos criando e não existe nada que possamos fazer quanto à isso, a não ser relaxar. Pois é, não podemos fazer nada a respeito disso.

.

Lembro-me de um texto de Krshinamurti onde ele diz que somos o próprio caos e se tentarmos mudar o caos, vamos gerar mais caos, e que nada podemos fazer quanto à isso, a não ser seguir em frente, relaxar e confiar.

.

Então, voltando ao assunto do texto, se você disser Eu não vou viajar, pronto, com certeza, em algum lugar você vai e estará viajando. Claro, você deve perceber que Nunca vou viajar tem o mesmo efeito, você vai e estará viajando, mesmo que você não perceba isso. Mas, a partir disso, da leitura deste texto, mesmo que você não perceba, você já sabe sobre isso, o que faz uma enorme diferença.

.

Isso de controlar a mente serve de um prato cheio para a consciência de massa que a todo tempo tenta nos incutir pensamentos que realmente não são nossos ou mesmo incutir que precisamos controlar nossos pensamentos ou isso ou aquilo, e por consequência, dependendo de nosso grau de consciência e desapego, nos induz a criar uma realidade que absolutamente não está de acordo com a realidade que realmente acreditamos, mas, como você já deve ter percebido, não podemos fazer nada quanto à isso, o que podemos fazer é relaxar em meio à este enorme caos e confiar em quem realmente somos.

.

Então, você já deve ter percebido que existe um segredo nisso tudo.

.

Ao negar algo, você antes coloca consciência no ato sem negar, ou seja, para dizer Eu não vou fazer isso, antes sua mente ou alma ou sei lá o que, coloca consciência no ato de Eu vou fazer isso, fazendo que fazer isso aconteça verdadeiramente mesmo que seja em uma realidade paralela. Sim, uma realidade paralela, agora você sabe que existe e consequentemente tudo aquilo que você não acredita como verdadeiro é criado em outras realidades, desafogando assim, a nossa combalida realidade, desafogando assim sua cansada mente, que em última análise, só que liberdade.

.

Não é incrível? Eu já falei muitas e muitas vezes que precisamos parar nossa mente, mas percebi que poucos entenderam o que isso significa: não é parar de pensar ou coisa parecida, é parar de julgar se algo é certo ou é errado ou até mesmo relaxar. Você nunca, pelo menos nesta realidade, vai conseguir parar sua mente, até porque se você o fizer, imediatamente retorna ao processo de criação. Percebeu que eu usei o nunca? Tira suas próprias conclusões. Mas, por um paradigma, se você deixar sua mente livre, vai descobrir que ela vai ficar em boa parte do tempo muito quieta.

.

Quando você tenta não dizer o não, VOILA, lá está sua criação. Quando você tenta não dizer o nunca: VOILA, lá está sua criação.

.

Portanto, relaxa, curta sua vida, curta sua mente, deixe tudo livre, viva a vida, pois tentar controlar a mente não vai te levar à parte alguma. Tá vendo? Eu mesmo o tempo todo, se você perceber nos textos, controlo o que devo ou não escrever e ao mesmo tempo, estou criando o tempo todo em outras realidades.

.

Mauro Muller

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: